ASPECTOS GERAIS EPIDEMIOLÓGICOS DA MORTALIDADE POR CÂNCER DE MAMA FEMININO NO BRASIL E NO MUNDO

Daniela Schimitz de Carvalho, Maximiliano Ribeiro Guerra, Luis Paulo da Silva Barra, Rafael Alves Bonfim de Queiroz

Resumo


O câncer de mama corresponde ao câncer mais frequente e à primeira causa de morte por neoplasia maligna em mulheres no mundo e no Brasil. Neste trabalho, descrevem-se o número de óbitos por câncer de mama, em Minas Gerais, regiões do Brasil, Brasil e no mundo, nos anos de 2000 – 2005 – 2010 - 2015. Os resultados obtidos foram discutidos, e mostraram um crescimento do número de mortalidades por esta doença.

Texto completo:

PDF

Referências


BARROS, A. et al. Diagnóstico e tratamento do câncer de mama. São Paulo: Associação Médica Brasileira/Brasília: Conselho Federal de Medicina, p. 1-15, 2001.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. DATASUS – Mortalidade, 2018. Disponível em: http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/deftohtm.exe?sim/cnv/obt10uf.def

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Instituto Nacional de Câncer José de Alencar Gomes da Silva. Tipos de câncer - Mama. 2018. Rio de Janeiro: INCA. Disponível em: http://www2.inca.gov.br/wps/wcm/connect/tiposdecancer/site/home/mama

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas em Oncologia. Secretaria de Atenção à Saúde. Brasília - DF: Ministério da Saúde, 2014.

CINTRA, J. R. D. Sobrevida e fatores associados em pacientes com câncer de mama, com diagnóstico entre 2003 e 2005 no município de Juiz de Fora - Minas Gerais. Tese (Doutorado) Programa de Pós-Graduação em Saúde Brasileira da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, MG, 2012.

COUTO, M. S. A., et al. Comportamento da mortalidade por câncer de mama nos municípios brasileiros e fatores associados. Rev Panam Salud Publica; v. 41, 2017. Disponível em: http://iris.paho.org/xmlui/bitstream/handle/123456789/34584/v41e1682017.pdf?sequence=1&isAllowed=y

DINIZ, R. W. Sobrevida livre e doença e fatores associados em pacientes com câncer de mama não metastático. Dissertação (Mestrado) | Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, MG, 2014.

FAYER, V. A. Sobrevida de 10 anos e fatores prognósticos em coorte hospitalar de pacientes com câncer de mama assistidas em Juiz de Fora, Minas Gerais. Dissertação (Mestrado) | Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, MG, 2014.

FERLAY, J. et al. Cancer incidence and mortality worldwide: sources, methods and major patterns in globocan 2012. International Journal of Cancer, Wiley Online Library, v. 136, n. 5, p. E359-E386, 2015.

GLOBOCAN. Estimated Incidence, Mortality and Prevalence Worldwide in 2012. 2012. INERNATIONAL AGENCY FOR RESEARCH ON CANCER - IARC. Disponível em: http://globocan.iarc.fr/Pages/fact_sheets_cancer.aspx .

SIEGEL, R. L.; MILLER, K. D.; JEMAL, A. Cancer statistics, 2015. CA: a cancer journal for clinicians, Wiley Online Library, v. 65, n. 1, p. 5-29, 2015.

TORRE, L. A. et al. Global cancer statistics, 2012. CA: a cancer journal for

clinicians, Wiley Online Library, v. 65, n. 2, p. 87-108, 2015.

TORRE, L. A. et al. Global Cancer in Women: Burden and Trends. Cancer Epidemiol Biomarkers Prev; v. 26, n. 4, April 2017. Disponível em: http://cebp.aacrjournals.org/content/cebp/26/4/444.full.pdf

WHO. Cancer. 2018. World Health Organization. Disponível em: http://www.who.int/en/news-room/fact-sheets/detail/cancer

WHO. Health statistics and information systems 2018. World Health Organization. Disponível em: http://www.who.int/healthinfo/global_burden_disease/estimates/en/index1.html


Apontamentos

  • Não há apontamentos.