IDOSOS NA FAVELA DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19: DO AMOR À CURA

Alícia Nathália Terra Perígolo Oliveira, Jordana Moreira Lins Leitão, Amanda Angélica Terra Perígolo, Carmela Moreira Lins Leitão

Resumo


INTRODUÇÃO: Idosos moradores das favelas encontram-se em situação de vulnerabilidade social e enfrentam uma condição sofrível, que os deixa vulnerados em determinadas situações e os privam dos diretos sociais (1). Neste cenário, uma doença como o Covid-19, que ameaça a continuidade da vida e tem sido responsável por gerar processos de sofrimento físico, espiritual, emocional e social nos idosos, é de uma preocupação ímpar, uma vez que esses possuem menor acessibilidade aos serviços públicos de saúde e sociais. METODOLOGIA: Foi realizada uma revisão sistemática pelo protocolo PRISMA, tendo como bases de dados o acervo MEDLINE, através do PUBMED e na biblioteca digital Scielo. A pesquisa foi limitada a trabalhos com a temática idosos moradores de favelas e os processos envolvidos no enfrentamento a Covid-19 e a atuação dos profissionais da saúde, publicados entre 2011 e 2020, nos idiomas português e inglês. Os critérios de exclusão foram: a indisponibilidade do texto integral e algum dos três descritores ausentes. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Após levantamento e análise destacaram 32 artigos que contemplavam ambos critérios. O sofrimento enfrentado pela Covid-19, a qual exige isolamento social, no contexto das favelas, com acessibilidade difícil aos serviços de saúde, pobreza considerável, aglomeração, violência, saneamento básico e transporte precários, torna-se desafiador. O sofrimento social enfrentado pelos idosos está presente nos sentimentos de isolamento, de perda, aliados à depressão, ansiedade, culpa, humilhação e estresse (2). Os idosos moradores das favelas enfrentam situações de preconceito ainda mais acentuadas pela perpetuação da injustiça social e perda da liberdade em todas as suas formas e expressões (3). Diante deste contexto, os profissionais da saúde devem evitar a mistanásia, que é a morte injusta, sofrível, por questões sociais, onde o processo de morte é marcado por sofrimento e injustiça social, privando este idoso de condições de tratamento que ele teria caso não estivesse em situação de pobreza, de aglomerado subnormal e falta de acessibilidade aos serviços públicos (4). As estratégias envolvidas no enfrentamento a Covid-19 podem incluir: a comunidade compassiva, onde a própria comunidade é imponderada para que ela mesma cuide dela e cuide dos seus, apoiado por profissionais de saúde, o direcionamento as possibilidades, dispor de redes de contato, acionar voluntários locais, verificar a possibilidade de isolamentos e manter contato com a família do paciente isolado (5). CONCLUSÃO: A situação dos idosos moradores das favelas no enfrentamento a Covid-19 exige planejamento por parte dos profissionais de saúde e a assistência em saúde precisa ser marcada pela compaixão, para promover alivio do sofrimento e efetivar o cuidado a estas populações.



Texto completo:

PDF

Referências


Fernandes TM, Costa RG-R. Histórias de pessoas e lugares: memórias das comunidades de Manguinhos. Histórias de pessoas e lugares: memórias das comunidades de Manguinhos. 2009.

Werlang R, Maria J, Mendes R. Sofrimento social Social suffering. Vol. 116. Serv. Soc. Soc;

Porto MF de S, Cunha MB da, Pivetta F, Zancan L, Freitas JD de. Saúde e ambiente na favela: reflexões para uma promoção emancipatória da saúde. Serviço Soc Soc [Internet]. 2015 Sep [cited 2020 Jun 24];(123):523–43. Available from:

http://www.scielo.br/scielo.php? script=sci_arttext&pid=S0101-66282015000300523&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

Ferreira S, Porto D. Mistanásia × Qualidade de vida. Rev Bioética [Internet]. 2019 Jun [cited 2020 Jun 24];27(2):191–5. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php? script=sci_arttext&pid=S1983-80422019000200191&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

. Favelas N. Comitê Fiocruz Covid-19 nas Favelas NOTA TÉCNICA COVID-19 E VULNERBILIDADES-CONSIDERAÇÕES SOBRE PROTEÇÃO SOCIAL [Internet]. [cited 2020 Jun 24]. Available from: https://www.ipea.gov.br/portal/index.php? option=com_content&view=article&id=28819


Apontamentos

  • Não há apontamentos.