A EDUCAÇÃO EM TEMPOS DE PANDEMIA: UMA ANÁLISE DESSE CENÁRIO SOB A ÓTICA DOS PAIS/RESPONSÁVEIS

Kamila Rodrigues da Silva, Humberto Vinício Altino Filho, Moisés Luiz Gomes Siqueira, Lidiane Hott de Fúcio Borges

Resumo


Este estudo tem como foco a análise da percepção dos pais e responsáveis de crianças do Ensino Básico em um município na Região Leste do Sul de Minas Gerais sobre o Ensino Remoto Emergencial. Sabe-se que o contexto da pandemia da COVID-19 trouxe impactos para os mais diversos setores da sociedade, dentre os quais o cenário educacional que é objeto desta pesquisa. Para investigar as relações mencionadas, além da contextualização do estudo, foram coletados dados por meio de um questionário on-line. Os resultados apontam que os pais/responsáveis apresentam uma grande preocupação com a aprendizagem e socialização das crianças diante desse modelo, mas tem tido suporte das escolas e também observam a situação como meio que propiciou mais tempo com os filhos.


Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Referencial Curricular Nacional da Educação Infantil, Formação Pessoal e Social, volume 2, Brasília MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Decreto nº 9057 de 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. 2017.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

COUTO, E. S., COUTO, E. S., CRUZ, I. DE M. P.. #FIQUEEMCASA: EDUCAÇÃO NA PANDEMIA DA COVID-19. EDUCAÇÃO, 8(3), 200–217. 2020.

LIBÂNEO, José Carlos. Adeus professor, adeus professora: novas exigências educacionais e profissão docente. São Paulo: Cortez, 1998.

SOFFNER, R. K.; BARBOSA, A. L. Tecnologia educacional e o enfoque sociocomunitário. Revista de Ciências da Educação UNISAL- Americana/SP, ano XIII, n. 25, 2011, p. 333-341.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.