INFODEMIA DURANTE A PANDEMIA DA COVID-19: DESAFIOS ENFRENTADOS PELOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE NA PROMOÇÃO DA SAÚDE

William Ananias Mansor Fernandes, Tainara Kelen Ferreira Nunes, Manoelito Ferreira Silva Junior, Débora Dias da Silva Harmitt

Resumo


As mídias sociais têm tido papel ativo de criador e replicador de conteúdo aos indivíduos, revolucionando a forma como o ser humano passou a interagir com as informações. Entretanto, na pandemia do século XXI, essa revolução se mostrou como uma das maiores inimigas da saúde pública, bem como da promoção da saúde. Diante disso a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou que a pandemia de COVID-19 não é o único fenômeno enfrentado, mas também a infodemia, nome atribuído pela OMS à epidemia de informações que circulam nas redes sociais, sendo muitas delas falsas. Diante desse cenário, foi analisado o fenômeno da infodemia, suas consequências e desafios enfrentados pelos profissionais durante a pandemia da COVID-19 no Brasil para realizar a promoção de saúde, trazendo experiências exitosas realizadas por alguns profissionais da saúde. Para tanto, foi realizada uma revisão narrativa da literatura por meio do Google Acadêmico, Biblioteca Virtual em Saúde e Scielo Brazil durante os meses de outubro de 2020 e fevereiro de 2021 por dois dos autores. Dos 24.126 artigos encontrados nessas bases de dados, selecionou-se 41 artigos. Foram utilizados também informações oficiais dos sites da OMS, Organização Panamericana de Saúde (OPAS) e Ministério da Saúde. A relação dos indivíduos com a desinformação, as fake news e a iliteracia em saúde são elementos importantes a serem verificados, o que possibilita notar a importância do papel educador que o profissional da saúde desempenha. Algumas experiências encontradas corroboram com essa ideia. Sendo assim, uma educação e uma literacia em saúde eficazes, são capazes de aprimorar o autocuidado dos assistidos e sensibilizá-los para compreender as medidas de combate e prevenção à pandemia, evitando as armadilhas das desinformações.


Palavras-chave


COVID-19; Desinformação; Promoção da Saúde

Texto completo:

PDF

Referências


ANDERSEN, A.; GODOY, E. Infodemia em tempos de pandemia: batalhas invisíveis com baixas imensuráveis. Revista Memorare, v. 7, n. 2, p. 184-198, 2020. Disponível em: . Acesso em: 10 out. 2020.

BEZERRA, A. C. V. et al. Fatores associados ao comportamento da população durante o isolamento social na pandemia de COVID-19. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, supl. 1, 2411-2421, 2020. Disponível em: . Acesso em: 8 fev. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Coronavírus: COVID-19. [Internet] 2020a. Brasília: Ministério da Saúde, 2020. Disponível em: . Acesso em 3 fev. 2021.

______. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico. Infecção humana pelo novo coronavírus (2019-nCoV). [Internet] 2020b. Brasília: Ministério da Saúde, 2020. Disponível em: . Acesso em 3 fev. 2021.

CANTUÁRIO, V. A. P. “Isso é verdade?” – a “infodemia” da pandemia: considerações sobre a desinformação no combate à COVID-19. Investigação Filosófica, v. 11, n.2, p. 175-188, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

CECCON R. F., SCHNEIDER I. J. C. Tecnologias leves e educação em saúde no enfrentamento à pandemia da COVID-19. SciELO Public Health Preprints, 2020. Disponível em: . Acesso em 10 out. 2020.

FLEMING, N. Coronavirus misinformation, and how scientists can help to fight it. Nature, n. 583, 155-156, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

G1. Mais de 10 mil mortes por Covid-19 no mundo, diz universidade. Bem Estar, 2020. Disponível em: . Acesso em: 5 fev. 2021.

GAIA, R. S. P. Subcidadania, raça e isolamento social nas periferias brasileiras: reflexões em tempos de COVID-19. Revista Thema, v. 18, n. ESPECIAL, p. 92-110, 2020. Disponível em: . Acesso em: 9 fev. 2021.

GALHARDI, C. P. et al. Fato ou Fake? Uma análise da desinformação frente à pandemia da Covid-19 no Brasil. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, supl. 2, p. 4201-4210, 2020. Disponível em . Acesso em: 3 Dez. 2020.

GARCIA, L. P.; DUARTE, E. Infodemia: excesso de quantidade em detrimento da qualidade das informações sobre a COVID-19. Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 29, n. 4, p. 1-4, 2020. Disponível em: . Acesso em 5 fev. 2021.

GUIMARÃES, A. S.; CARVALHO, W. R. G. Desinformação, negacionismo e automedicação: a relação da população com as drogas “milagrosas” em meio à pandemia da COVID-19. Interamerican Journal of Medicine and Health, v.3, p. 1-4, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

HENRIQUES, C. M. P. A dupla epidemia: febre amarela e desinformação. Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação em Saúde, v.12(1), 9-13, 2018. Disponível em: . Acesso em: 20 out. 2020.

HOROWITZ A. M.; KLEINMAN D. V. Oral health literacy: the new imperative to better oral health. The Dental Clinics of North America, v.52, p. 333-344, 2008. Disponível em . Acesso em: 26 fev. 2021.

KICKBUSCH, I. Improving health literacy in the european union: towards a Europe of informed and active health citizens. European Health Forum Gastein, p. 1-16, 2004. Disponível em: . Acesso em: 26 fev. 2021.

LIMA, L. O. et al. A perspectivas da educação popular em saúde e de seu grupo temático na associação brasileira de saúde coletiva (ABRASCO). Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, n. 7, p. 2737,-2742 2020. Disponível em: . Acesso em: 5 fev. 2021.

LIMA, L. D. et al. Crise, condicionantes e desafios de coordenação do Estado federativo brasileiro no contexto da COVID-19. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, n. 7, p. 1-6, 2020. Available from . Acesso em 24 fev. 2021.

MERHY, E. E. O ato de cuidar: alma dos serviços de saúde. In: MERHY, E. E. Saúde: a cartografia do trabalho vivo em ato. São Paulo: Hucitec, 2002. p. 115–134.

MERCEDES NETO, T. O. G. et al. Fake news no cenário da pandemia de Covid-19. Revista Cogitare Enfermagem, v.25, 2020. Disponível em: . Acesso em 3 dez. 2020.

NEMER, D. Desinformação no contexto da pandemia do Coronavírus (COVID-19). AtoZ: novas práticas em informação e conhecimento, v. 9, n. 2, p. 113-116, 2020. Disponível em: . Acesso em: 10 feb. 2021.

NUTBEAM D. Health literacy as a public health goal: a challenge for contemporary health education and communication strategies into the 21st century. Health Promotion International, v.15, n.3, p. 259-267, 2000. Disponível em: . Acesso em: 26 fev. 2021.

OLIVEIRA, M. F.; COTA, L. G. S. A pedagogia freiriana nas práticas de educação em saúde. Diversitates. v.10, n.1, p. 46-58, 2018. Disponível em: . Acesso em: 08 fev. 2020.

ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE (OPAS). Entenda A Infodemia E A Desinformação Na Luta Contra A Covid-19. 2020a. Disponível em: . Acesso em: 21 out. 2020.

______. Folha informativa COVID-19 - Escritório da OPAS e da OMS no Brasil. 2020b. Disponível em: . Acesso em 08 fev. 2020.

PALÁCIO, M. A. V.; TAKENAMI, I. Em tempos de pandemia pela COVID-19: o desafio para a educação em saúde. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia (Health Surveillance under Debate: Society, Science & Technology), v. 8, n. 2, p. 10-15, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

PETERSEN, P. E.; KWAN S. The 7th WHO Global Conference on Health Promotion - towards integration of oral health. Community Dental Health, p. 129-236, 2010. Disponível em: . Acesso em 26 fev. 2021.

PIRES BRITO, S. B. et al. Pandemia da COVID-19: o maior desafio do século XXI. Vigilância Sanitária em Debate: Sociedade, Ciência & Tecnologia (Health Surveillance under Debate: Society, Science & Technology), v. 8, n. 2, p. 54-63, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

RAFAEL, R. M. R., et al. Epidemiologia, políticas públicas e pandemia de Covid-19: o que esperar no Brasil? Revista Enfermagem UERJ, v. 28, p. 1-6, 2020. Disponível em: . Acesso em: 25 fev. 2021.

SABOGA-NUNES, L. et al. Hermenêutica da literacia em saúde e sua avaliação em Portugal. In: VIII Congresso português de Sociologia 40 anos de democracia(s): progressos, contradições e prospetivas, 2014. Actas... Portugal: Évora, 2014. Disponível em: . Acesso em: 08 fev. 2021.

SILVA, T. N. et al. Literacia para a Saúde em Tempos de COVID-19: Relato de Experiência. Saberes Plurais: Educação na Saúde, v.4, n.2, p. 37-48, 2020. Disponível em . Acesso em: 08 fev. 2020.

SOUSA JÚNIOR, J. H. et al. Da Desinformação ao Caos: uma análise das Fake News frente à pandemia do Coronavírus (COVID-19) no Brasil. Cadernos de Prospecção, v. 13, n. 2, p. 331-346, 2020. Disponível em: . Acesso em: 3 dez. 2020.

SOUZA, D. O. A pandemia de COVID-19 para além das Ciências da Saúde: reflexões sobre sua determinação social. Ciência & Saúde Coletiva, v. 25, supl. 1, p. 2469-2477, jun. 2020. Disponível em . acessos em 03 dez. 2020.

VASCONCELLOS-SILVA, P. R., CASTIEL, L. D. COVID-19, as fake news e o sono da razão comunicativa gerando monstros: a narrativa dos riscos e os riscos das narrativas. Cadernos de Saúde Pública, v. 36, n. 7, p. 1-6, 2020. Disponível em: . Acesso em: 8 fev. 2021.

WORLD HEALTH ORGANIZATION (WHO). 1st WHO Infodemiology Conference (2020). [Internet] 2020 a. Genebra: Organização Mundial de Saúde. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

______. Statement on the Second Meeting of the International Health Regulations (2005) Emergency Committee Regarding the Outbreak of novel coronavirus (2019-nCoV). [Internet] 2020b. Genebra: Organização Mundial de Saúde; 2020. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

______. WHO Coronavirus Disease (COVID-19) Dashboard. [Internet] 2020c. Genebra: Organização Mundial de Saúde; 2020. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

______.WHO Director-General's opening remarks at the media briefing on COVID-19 - 11 March 2020. [Internet] 2020d. Genebra: Organização Mundial de Saúde; 2020. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

______. WHO Pneumonia of unknown cause – China. [Internet] 2020e. Genebra: Organização Mundial de Saúde; 2020. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

______. WHO Regional Office for Europe. Health literacy: the solid facts. 2013. Disponível em: . Acesso em 3 ago. 2020.

YABRUDE, A. T. Z. et al. Desafios das Fake News com Idosos durante Infodemia sobre Covid-19: Experiência de Estudantes de Medicina. Revista Brasileira de Educação Médica, Brasília, v. 44, supl. 1, e140, p. 1-6, 2020. Disponível em: . Acessado em: 5 fev. 2021.




DOI: https://doi.org/10.21576/pa.2021v19i3.2551

DOI (PDF): https://doi.org/10.21576/pa.v19i3.2551.g2079

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 William Ananias Mansor Fernandes, Tainara Kelen Ferreira Nunes, Manoelito Ferreira Silva Junior, Débora Dias da Silva Harmitt

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.