A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: A MOBILIDADE NA CIDADE DE MANHUAÇU (MG)

Nelsino Júnio de Freitas Louback

Resumo


Este estudo abordou a importância do planejamento estratégico e os efeitos negativos causados pela sua ausência no desenvolvimento da cidade de Manhuaçu (MG). As falhas gerenciais perduraram por décadas e a cidade, que é um polo regional, se vê diante de diversos problemas de mobilidade que afetam a vida de moradores e visitantes. Soma-se ainda o exponencial aumento da frota de veículos que não foi acompanhado pelo desenvolvimento das vias públicas. Diante desse contexto, foi analisada a opinião pública sobre os transtornos enfrentados pelas ruas da cidade, bem como buscou-se uma resposta da gestão local. Para a pesquisa, foram utilizados métodos quantitativos e qualitativos, como survey e entrevistas semiestruturadas. Os resultados mostraram o pessimismo da população diante do atual cenário, suas principais queixas, além de mostrar a relação conflituosa entre a gestão municipal e o órgão federal que administra a rodovia que atravessa a cidade. O crescimento desordenado reflete não somente em problemas estruturais, como também sociais. O artigo expõe a necessidade de um planejamento estratégico adequado que sustente o desenvolvimento de Manhuaçu e dê continuidade ao importante papel da cidade para a região.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.