USUÁRIOS VIVENDO COM HIV: DESAFIOS ACERCA DA ADESÃO AO TRATAMENTO NO SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA ESPECIALIZADA E CENTRO DE TESTAGEM E ACONSELHAMENTO DE MANHUAÇU/MG

Joyce de Oliveira Rocha Mota

Resumo


O objetivo deste Trabalho de Conclusão de Curso foi identificar os fatores que dificultam ou não a eficácia do tratamento antirretroviral de usuários que vivem com o vírus da imunodeficiência humana. A coleta de dados foi realizada no Serviço de Assistência Especializada e Centro de Testagem e Aconselhamento no município de Manhuaçu, após a aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Ciências Gerenciais e da coordenação da unidade de saúde. Trata-se de uma pesquisa de caráter documental, na qual foram analisados prontuários e fichas de notificação dos usuários soropositivos matriculados entre 2005 e 2018, a fim de compreender características demográficas e socioeconômicas, sexo, tempo de abandono, bem como relacionar o consumo de álcool e drogas ilícitas frente ao uso de medicamentos. São registrados 397 prontuários nesta unidade de saúde, divididos em duas categorias, sendo que no primeiro foram analisados 170 prontuários de usuários que estão aderindo ao tratamento antirretroviral; no segundo foram analisados 76 prontuários de usuários que abandonaram o tratamento. Palavras-chave: HIV. Adesão ao tratamento antirretroviral. Terapia antirretroviral.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.