SURTOS PSICÓTICOS NO COTIDIANO DO ATENDIMENTO DA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE DE LUISBURGO, MG: PROPOSTA DE INTERVENÇÃO

Thiara G. Heleno de Oliveira Pôncio, Heriberto Fiuza Sanchez

Resumo


A Estratégia Saúde da Família está incorporada à cultura brasileira. A população abraçou e criou vínculos com os profissionais inseridos e com a estratégia propriamente dita. Ela está implantada em grandes e pequenos centros, na zona urbana e zona rural, em regiões pobres e ricas, enfim por todo o território brasileiro. O município de Luisburgo, MG conta somente com o serviço de Atenção Básica para atender sua população, assim como tantos outros municípios do país. O objetivo deste artigo é elaborar uma proposta de intervenção para atendimento de episódios de surtos psicóticos atendidos na Unidade Básica de Saúde de Luisburgo. Foi realizada uma revisão narrativa da literatura e para tal a Biblioteca Virtual em Saúde (http://regional.bvsalud.org/php/i.php) foi acessada, nas bases de dados SCIELO e LILACS. A Biblioteca Virtual do NESCON (http://www.nescon.medicina.ufmg.br/biblioteca/) também foi consultada. Foram considerados somente artigos em português, compreendidos entre o período de 2000 a 2013. Conclui-se que a elaboração de planos de intervenção e, futuramente, de fluxogramas, é de suma importância para um melhor atendimento do paciente que apresenta surtos psicóticos não só dentro das Unidades Básicas de Saúde, mas para seu acompanhamento e redirecionamento pessoal e familiar.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.