ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA: UMA ALTERNATIVA VIÁVEL?

Andrelise Cardoso Costa, Débora Ferreira de Oliveira, Márcia Helena Rabelo, Maria Deuceny Pinheiro, Jorge Piazzarolo

Resumo


A busca por fontes alternativas de energia tornou-se uma necessidade premente em decorrência da expansão do uso de equipamentos elétricos e eletrônicos em empresas e domicílios. A energia solar é renovável e limpa, pois o calor do sol não é poluente e permanecerá ativo por bilhões de anos e a captação desse tipo de luminosidade não gera grandes impactos para o meio ambiente. Com o crescente uso dessa fonte energia, busca-se no presente artigo apresentar a viabilidade econômica da instalação do sistema de energia solar fotovoltaica em residências e empresas. Além do embasamento teórico sobre o assunto, a pesquisa apresenta um estudo empírico feito em uma empresa de Energia Fotovoltaica localizada em Cachoeiro de Itapemirim, onde buscou-se verificar a viabilidade da instalação do sistema de energia solar na Faculdade de Ciências Contábeis e Administrativas de Cachoeiro de Itapemirim (FACCACI). Os resultados alcançados apontam que o sistema solar fotovoltaico se torna economicamente viável, mesmo que o período de retorno não seja imediato. Destaca ainda, os incipientes incentivos e benefícios fiscais e financeiros para tornar essa fonte de energia mais acessível aos pequenos e médiosgeradores.

Texto completo:

PDF

Referências


Agencia Nacional de Energia Elétrica. Disponível em: http://www.aneel.gov.br. Acesso em: 08 jun. 2019.

APOLÔNIO, D. M. Energia Solar Fotovoltaica Conectada à Rede de Energia Elétrica em Cuiabá: Estudo de Caso (Dissertação de Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Edificações e Ambiental, Universidade Federal do Mato Grosso, Cuiabá – MT, 2014, 149 p. Disponível em: . Acesso em: 13 abr. 2019.

BlueSol Energia Solar. Disponível em: . Acesso em 15 jun. 2019.

COSTA, Ricardo Cunha e PRATES, Cláudia Pimentel T., O Papel das fontes renováveis de energia do desenvolvimento do Setor energético e Barreiras a sua penetração no mercado – BNDES, 2014. Disponível em: . Acesso em: 25 mai. 2019.

FERREIRA, Maria Amaro Matoso Aguiar. A eficiência energética na reabilitação de edifícios (Dissertação de Mestrado). Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, 2009, 178 p. Disponível em: . Acesso em: 23 mar. 2019.

FREITAS, Mateus Gouveia; e MIRANDA, Anízio de Assis Rodrigues, Custo Benefício e implantação de sistema fotovoltaico, UNIRV, 2016. Disponível em:. Acesso em: 23 mar. 2019.

GEBERT, Alice; MULLER, Rafaela; CASAGRANDE, Deise. ENERGIA SOLAR FOTOVOLTAICA. Feira Regional de Matemática do RS, v. 1, n. 1, 2018. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/feiramatematica/article/view/ 9244>. Acesso em: 13 abr. 2019.

GOBATO, Alekssander. Estudo da geração de energia elétrica no Brasil de fontes renováveis, 2017. Disponível em: . Acesso em: 23 mai. 2019.

GONÇALVES, Isabel Piúma; CUNHA, Eduardo Grala da; RHEINGANTZ, Paulo Afonso. Estudo da Relação Custo-Benefício na Implantação de Diferentes Sistemas Fotovoltaicos em um Edifício de Escritórios na ZB 2. Encontro Nacional de Conforto no Ambiente Construído, v. 14, 2017. Disponível em: . Acesso em: 30 mai. 2019.

Conselho Nacional de Política Fazendária. Disponível em: https://www.confaz.fazenda.gov.br/legislacao/convenios/2015/CV016_15. Acesso em: 15 jun. 2019.

Empresa de Pesquisa Energética. Disponível em: . Acesso em: 22 jun. 2019.

INATOMI, Thais Aya Hassan; UDAETA, Miguel Edgar Morales. Análise dos impactos ambientais na produção de energia dentro do planejamento integrado de recursos. Brasil Japão. Trabalhos, p. 189-205, 2005.

LAKATOS, Eva Maria, Metodologia Científica, 7 ed. - 2. Reimp., São Paulo: Atlas. 2018. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2019.

Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Disponível em: . Acesso em: 22 jun. 2019.

Lambda Consultoria. Disponível em: https://universolambda.com.br/incentivos- energia-solar. Acesso em: 08 jun. 2019.

MOLINA JUNIOR, Walter F. Recursos Energéticos e ambiente [livro eletrônico]/Walter F. Molina Jr., Thiago Libório Romanelli. Curitiba: InterSaberes, 2015. Disponível em: . Acesso em: 09 abr. 2019.

RÜTHER, Ricardo. Edifícios solares fotovoltaicos: o potencial da geração solar fotovoltaica integrada a edificações urbanas e interligada à rede elétrica pública no Brasil. Editora UFSC, 2004. . Acesso em: 15 jun.2019.

SANTOS, Fabrício Almeida; SOUZA, C. A.; DALFIOR, Vanda Aparecida Oliveira. ENERGIA SOLAR: um estudo sobre a viabilidade econômica de instalação do sistema fotovoltaico em uma residência em Ipatinga-MG. Simpósio de excelência em Gestão e Tecnologia, XIII, Rio de Janeiro, RJ, 2016. Disponível em: . Acesso em: 13 mar. 2019

SHAYANI, Rafael Amaral; OLIVEIRA, MAG de; CAMARGO, IM de T. Comparação do custo entre energia solar fotovoltaica e fontes convencionais. In: Congresso Brasileiro de Planejamento Energético (V CBPE). Brasília. 2006. p. 60. Disponível em: Acesso em: 27 abr.2019.

SILVA, Rutelly Marques, Energia Solar no Brasil: dos incentivos aos desafios, fev. 2015. Disponível em: . Acesso em: 27 abr.2019.

UCZAI, P. Energias Renováveis: riqueza sustentável ao alcance da sociedade. CÂMARA DOS DEPUTADOS, Brasília-DF, Revista n.10, p.1-273, 2012. Disponível em: . Acesso em: 15 jun.2019.

VARTIAINEN, E.; MASSON, G.; BREYER, Ch. PV LCOE in Europe 2014–30, European PV technology platform. Technical Report, 2015. . Acesso em: 30 mai.2019.

VIANA, T. S.; URBANETZ, J.; RÜTHER, R. Potencial de sistemas fotovoltaicos concentradores no Brasil. In: II Congresso de. 2008. Disponivel em: . Acesso em: 17/08/2019.

ZOMER, Clarissa Debiazi et al. Megawatt Solar: geração solar fotovoltaica integrada a uma edificação inserida em meio urbano e conectada à rede elétrica. Estudo de caso: Edifício Sede da Eletrosul, Florianópolis-Santa Catarina. 2012. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.