ANÁLISE SEMIÓTICA DA LINGUAGEM PUBLICITÁRIA

Adrielle Pacheco Leal, Lídia Maria Nazaré Alves

Resumo


Estuda-se a análise semiótica da linguagem publicitária, a fim de descobrir como os textos publicitários podem ensinar a semiótica, através dos signos linguísticos neles expressos, com foco na relevância do entendimento da linguagem não-verbal: imagem. Foi entendido que os discursos apresentados nos textos midiáticos possuem o poder de convencer o cliente a comprar o produto exposto. A publicidade, além de usar a semiologia, usa também artifícios da neurolinguística e da psicanálise para persuadir seu público-alvo a escolher seu produto, dentre tantos outros. A mídia desempenha um importante papel no seio da sociedade atual. Nota-se, cada vez mais, que a publicidade vem se tornando um meio fundamental para disseminar ideologias e comportamentos, utilizando-se, muitas vezes, de alguns sentimentos como forma de manipular o público-alvo. Para concretizar e subsidiar este estudo que, além da parte bibliográfica apresenta, também, uma pesquisa de campo, foram consultadas diversas obras de especialistas como: Oliviero Toscani (1996); Fernanda Mussalim e Anna Christina Bentes (2004); Darcilia Simões (palestra - 2008); Charles Peirce (1990).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.