O USO DA TECNOLOGIA COMO FERRAMENTA DIDÁTICA NO PROCESSO EDUCATIVO

Cínthia Luiz da Silva, Humberto Vinício Altino Filho

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar uma discussão acerca do uso das novas tecnologias educacionais como ferramenta didática no processo de ensino-aprendizagem. Para tanto, é importante considerar que a tecnologia faz parte do contexto social atual. Dessa forma, o professor como aquele que propicia a construção do conhecimento, precisa utilizar recursos que transformem suas aulas, de modo a instigar a busca pelo conhecimento por parte dos alunos, ministrando aulas dinâmicas, motivadoras, atrativas e entendendo que as tecnologias disponíveis auxiliam no processo educativo. Para isso torna-se necessário maior informação sobre o processo de  ensino aprendizagem, capacitação, bem como recursos necessários para colocar em prática o uso da tecnologia em todos os níveis educacionais. A principal contribuição do artigo é apresentar os caminhos que têm sido dados a essa discussão, de acordo com a literatura, para incorporar as novas tecnologias à educação.

Texto completo:

PDF

Referências


ALTINO FILHO, Humberto Vinício; ALVES, Lídia Maria Nazaré. O Saber Globalizado na Educação Matemática. Revista Pensar Acadêmico, v. 13, n. 2, p. 77-84, 2017.

BAYM, N. K. Personal connections in the digital age. Cambridge: Polity Press, 2010.

BARRETO, R. G. Tecnologia e educação: trabalho e formação docente. Educ. Soc., Campinas, vol. 25, n. 89, p. 1181-1201, Set./Dez. 2004.

BRIGNOL, S. M. S. Novas tecnologias de informação e comunicação nas relações de aprendizagem da estatística no ensino médio. Monografia (Especialização) – Faculdades Jorge Amado, Salvador, 2004.

CARDOSO, G. A mídia na sociedade em rede. Rio de Janeiro, FGV, 2007.

CASTELLS, Manuel. A era da informação: economia, sociedade e cultura. In: A Sociedade em rede.

São Paulo: Paz e Terra, 2002. v. 2.

CARVALHO, R. As tecnologias no cotidiano escolar: possibilidades de articular o trabalho pedagógico aos recursos tecnológicos. 1993. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1442-8.pdf. Acesso em: 09 set. 2017.

CAVALCANTE, B., M. A Educação Frente às Novas Tecnologias: Perspectivas e Desafios. 1999. Disponível em: Acesso em 10 de Set. 2017.

CHAVES, E. O. C. Tecnologia e educação. UNICAMP, 1999 (Coleção Informática para a mudança na educação). Disponível em: http://edutec.net/Textos/Self/EDTECH/tecned2.htm#_ed*. Acesso em 20/10/2017.

CHIOFI, L. C. O uso das tecnologias educacionais como ferramenta didática no processo de ensino e aprendizagem. Londrina, UEL, 2014.

GARCIA, F. W. A importância do uso das tecnologias no processo de ensino-aprendizagem. Revista Educação a Distância, Batatais, v. 3, n. 1, p. 25-48, jan./dez. 2013.

GATTI, B. Os agentes escolares e o computador no ensino. Acesso. São Paulo: FDE/SEE. Ano 4, dez.93

KENSKI, V. M. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. 1. ed. Campinas: Papirus, 2007.

KENSKI, V. M. Tecnologias e Ensino Presencial e a Distância. 9. ed. Campinas: Papirus, 2010. LEVY. P. P. Cibercultura; Tr Carlos Irineu da Costa. -São Paulo: Editora. 11, 1999.

MAINART, D. A.; SANTOS, C. M. A importância da tecnologia no processo ensino-aprendizagem. In: CONGRESSO VIRTUAL BRASILEIRO DE ADMINISTRAÇÃO, 7, 2010. Anais..., 2010. Disponível

em: . Acesso em: 02 set. 2017.

MORAES, R. A. Informática na educação. Rio de Janeiro: DPA,1999.

MORAN, J. M. Ensino e aprendizagem inovadores com tecnologias. 1995. Disponível em:

. Acesso em: 24 set. 2017.

NONATO, M. N.; PIMENTA T. A. F.; PEREIRA, F. J. Geração Z: Os Desafios da Mídia Tradicional. Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação. In: XIV Congresso de Ciências da Comunicação na Região Nordeste. Recife, PE, 2012.

POCHO, C. L. (Org.). Tecnologia educacional: descubra suas possibilidades na sala de aula.

Petrópolis: Vozes, 2003

RIBAS, D. A docência no Ensino Superior e as novas tecnologias. Revista Eletrônica Latu Sensu, ano 3, n. 1, mar. 2008.

SANCHO, Juana A. Tecnologia: Um Modo de Transformar o Mundo Carregado de Ambivalência. In: SANCHO, J.M. (Org.). Para Uma Tecnologia Educacional. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.

SANTOS, N. Espaços Virtuais de Ensino Aprendizagem. São Paulo: Infolink, 1998.

SOLTOLSKI, C., R. A influência do uso das novas tecnologias na educação.VI EPETEC, OUTUBRO, 2011. Disponível em: http://www.fecilcam.br/nupem/anais_vi_epct/PDF/ciencias_exatas/01- SOLTOSKI_SOUZA.pdf. Acesso em 12 de Ago. 2014.

SOUZA, I. R. L; MAGALHÂES, H. P. de. Intersecções entre culturas midiáticas e cibercultura e game cultura. Revista Cultura Midiática, ano 01, n. 01, julh/dez 2008.

TAROUCO, L. M. R., et al. Formação de Professores para produção e uso de objetos de aprendizagem. Disponível em http://www.cinted.ufrgs.br /renote/jul2006/ artigosrenote / a20_21173.pdf. Acesso : 23, maio,2009.

YAMAZAKI, R. M. O.; YAMAZAKI, S. C.; ZANON, A. M. Elaboração de um jogo pedagógico numa perspectiva bachelardiana para aprendizagem do conceito de gene. Revista Metáfora Educacional, n.13, p.3-20, 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.