DIFERENCIAL COMPETITIVO NO SETOR DE FILMAGEM DE EVENTOS SOCIAIS

Lucas Verdeiro Carin, Anandy Kassis de Faria Alvim-Hannas, Reginaldo Adriano de Souza, Rita de Cássia Martins de Oliveira Ventura, Lilian Beatriz Ferreira Longo

Resumo


Tendo em vista que a demanda por serviços voltados para eventos sociais como casamentos e festas de debutantes vem crescendo, este trabalho, através de uma pesquisa quantitativa e descritiva utilizando a escala de Likert como instrumento de coleta de dados, buscou identificar como os clientes avaliam qualidade e também analisar os principais fatores que influenciam na decisão de compra por serviços de filmagem de eventos sociais. Este setor está cada vez mais competitivo e para destacar-se neste ramo é essencial entender o que é percebido como qualidade. O mercado de vídeo em eventos sociais vem evoluindo e novas tendências e tecnologias são introduzidas todos os dias, as necessidades e desejos destes clientes agora são outros. Portanto, é importante que as empresas deste setor estejam prontas para se adaptarem, levando em consideração que os clientes estão cada vez mais conectados e exigentes com a qualidade do serviço e do atendimento. A pesquisa revelou que os clientes preferem fazer o orçamento no ponto de venda da empresa, este precisa ser aconchegante e o atendimento deve ser exclusivo. Além disso, estes profissionais devem estar conectados nas principais redes sociais e ter portfólio online. Imagens aéreas, linguagem cinematográfica e o trailer do vídeo são fatores que agregam valor ao serviço.

Texto completo:

PDF

Referências


BATESON, J. E. G., HOFFMAN, K. D. Marketing de serviços. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001. CHURCHILL JR, G. A., PETER, P. J. Criando valor para os clientes. 3. ed. São Paulo: Saraiva, 2012. CROSBY, P. B. Qualidade é investimento. 6. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1994.

FITZSIMMONS, J. A., FITZSIMMONS, M. J. Administração de serviços. 4. ed. São Paulo: Bookman, 2005.

GARVIN, D. A. Gerenciando a qualidade: a visão estratégica e competitiva. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2002.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 1999. GRÖNROOS, C. Marketing: gerenciamento e serviços. 2. ed. São Paulo: Elsevier, 2004.

JACOB, D. A. O que é diferencial competitivo? Administradores, 2011. Disponível em: http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/o-que-e-diferencial-competitivo/59366/. Acesso em: 15 dez. 2015.

KARSAKLIAN, E. Comportamento do consumidor. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2004.

KOTLER, P., ARMSTRONG, G. Princípios de marketing. 9. ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2005.

KOTLER, P., HAYES, T., BLOOM, P. N. Marketing de serviços profissionais. 2. ed. Barueri: Manole, 2002.

KOTLER, P., KELLER, K. L. Administração de marketing. 14. ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2013.

LEVINE, D. M., BERENSON, M. L. & STEFAN, D. Estatística: Teoria e aplicações. Rio de Janeiro: LTC, 2000.

LOPES, G. B. O PIB do 3º Tri – Determinantes da Oferta. São Paulo: Finanças Fáceis, 2013. Disponível em . Acesso em: 16 nov. 2015.

LOVELOCK, C., WRIGHT, L. Serviços, marketing e gestão. São Paulo: Saraiva, 2001.

MONTGOMERY, C. A., PORTER, M. E. Estratégia: a busca da vantagem competitiva. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

PALADINI, E. P. Gestão da qualidade: teoria e prática. São Paulo: Atlas, 2000.

ZEITHAML, V. A., BITNER, M. J. Marketing de serviços: a empresa com foco no cliente. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.