BAUMAN E MC GARDEN: GÊNEROS DIFERENTES NUM MESMO TOM

Leonardo Gomes de Souza, Lídia Maria Nazaré Alves, Ivete Monteiro de Azevedo

Resumo


Pretende-se, neste artigo, fazer a leitura da letra de músicas do conjunto musical de Mc Garden, à luz da teoria Baumaniana. Bauman descreve a modernidade líquida. Nesta se manifesta o indivíduo de jure, inimigo do cidadão. O indivíduo de jure, ou seja, alienado impede que a sociedade alcance a condição de indivíduos de facto. Neste caminho percebe-se o poder midiático na formação e manutenção da condição de jure. Por meio do Funk de MC Garden, os efeitos elencados por essa teoria ganha voz e se torna um foco de resistência ao processo de individualização. Diante desse fato, vê-se a necessidade de uma visão histórico-cultural desse estilo de arte tendo em mente o seu clamor por alteridade e o seu processo de rememoração social. Isso faz com que esse estilo represente uma minoria que percebe em sua vida os efeitos da Modernidade Líquida.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.