UM ESTUDO SOBRE A UTILIZAÇÃO DO GPR PARA A ANÁLISE DE TERRENOS DE RISCO BASEADO NA ANÁLISE SISTÊMICA DA LITERATURA INTERNACIONAL

Kastelli Pacheco Sperandio, Rogério Cabral de Azevedo, Tauana de Oliveira Batista

Resumo


Na área da engenharia, conhecer as características e condições do solo é essencial para entender e prever seu comportamento durante as obras realizadas como forma de garantir a segurança. Diversos métodos são utilizados para este fim, mas um tem se destacado por sua eficiência e facilidade de aplicação nas mais diversas situações: o GPR. Sendo assim, este método tem potencial para atuar como ferramenta de caracterização e análise da estabilidade de terrenos de risco, auxiliando na prevenção de acidentes geotécnicos. Neste contexto, o presente trabalho tem como objetivo evidenciar o estado da arte do tema “Utilização de GPR para análise de terrenos de risco”, através da ferramenta ProKnow-C (Knowledge Development Process – Construtivist), utilizado para selecionar um portfólio de artigos e realizar as análises bibliométricas e sistêmica dos mesmos. O Portfólio Bibliográfico final é composto por seis artigos relevantes, atuais e alinhados com o tema. Com a análise bibliométrica estimou-se o reconhecimento científico dos artigos, o grau de relevância dos periódicos e autores, além das palavras-chave mais utilizadas. Por meio da análise sistêmica foram evidenciadas algumas carências nos artigos que podem ser exploradas em trabalhos futuros.

Texto completo:

PDF

Referências


AGNESI, V., CAMARDO, M., CONOSCENTI, C., DIMAGGIO, C., DILIBERTO, I.S., MADONIA, P., ROTIGLIANO, E. A multidisciplinary approach to the evaluation of the mechanism that triggered the Cerda landslide (Sicily, Italy). Geomorphology v. 65, p. 101–116, 2005.

ANNAN, A. P. Ground Penetrating Radar Workshop Notes. Sensors & Software Inc, Canadá, 2001.

CAPES, F. Classificação da produção Intelectual. 2014. Disponível em: < http://www.capes.gov.br/avaliacao/instrumentos-de-apoio/classificacao-da-producao-intelectual >. Acessado em Novembro/2016.

CARVALHO, C. S.;GALVÃO, T. Prevenção de riscos de deslizamento em encostas: Guia para elaboração de políticas municipais. Brasília: Ministério das Cidades, 2006.

DAVIS, J. L., ANNAN, A. P. Ground Penetrating Radar for high resolution mapping of oil and rock stratigraphy. Geophysical Prospecting, v. 37, p. 531-551, 1989.

ENSSLIN, L. et al. ProKnow-C, Knowledge Development Process -Constructivist: processo técnico com patente de registro pendente junto ao INPI. Brasil: [s.n.], 2010.

ENSSLIN, L., ENSSLIN, S. R.; PACHECO, G. C. Um estudo sobre segurança em estádios de futebol baseado na análise bibliométrica da literatura internacional. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 17, n. 2, p. 71-91, 2012.

ENSSLIN, L.; ENSSLIN, S. R.; PINTO, H. D. M. Processo de investigação e Análise bibliométrica: Avaliação da Qualidade dos Serviços Bancários. Revista de Administração Contemporânea, v. 17, n. 3, p. 325-349, 2013.

FERNANDES,C. E. M. Fundamentos de prospecção geofísica. Rio de Janeiro: Interciência, 1984.

HIRSCH, J. E. An index to quantify na individual1s scientific research output. Proceedings of the National Academy of Science of United States of America, v. 102, p. 16569-16572, 2005.

ISRAIL, M., PACHAURI, A.K. Geophysical characterization of a landslide site in the Himalayan foothill region. Journal of Asian Earth Sciences v. 22, p. 253–263, 2003.

LAGO, A. L., ELIS, V. R., GIACHETI, H. L. Aplicação integrada de métodos geofísicos em uma área de disposição de resíduos sólidos urbanos em Bauru – SP. Revista Brasileira de Geofísica, v. 24, n. 3, 2006.

MARCATO, G., MANTOVANI, M., PASUTO, A., ZABUSKI, L., BORGATTI L. Monitoring, numerical modelling and hazard mitigation of the Moscardo landslide (Eastern Italian Alps). Eng. Geol. V. 128, p. 95–107, 2012.

MAURITSCH, H.J., SEIBERL,W., ARNDT, R., RÖMER, A., SCHNEIDERBAUER, K., SENDLHOFER, G.P. Geophysical investigations of large landslides in the Carnic region of southern Austria. Engineering Geology v. 56, p. 373–388, 2000.

PETLEY, D. N., MANTOVANI, F., BULMER, M. H., ZANNONI, A. The use of surfacemonitoring data for the interpretation of landslide movement patterns. Geomorphology, v. 66, p. 133–147. 2005.

POPINI, M. V. F. Processamento de dados de GPR utilizando métodos da sísmica de reflexão. Dissertação (Mestrado em Geofísica) – Universidade Federal da Bahia, Bahia, 2001.

REUTERS, T. EndNote X3. The Thomson Corporation, 2009.

SCHNAID, F.; ODEBRECHT, E. Ensaios de campo e suas aplicações à engenharia de fundações. 2. Ed. São Paulo: Oficina de Textos, 2012.

VAN ASCH, Th. W. J.; BUMA, J.; VAN BEEK, L. P. H. A view on some hydrological triggering systems in landslides. Geomorphology, v. 30, p. 25-32, 1999.

XAVIER, Pedro Neto. Processamento e interpretação de dados 2D e 3D de GPR: Aplicações no imageamento de feições Kársticas e estruturas de dissolução no campo de petróleo de Fazenda Belém – CE. Tese de Doutorado (Doutor em Geofísica) – Pós-graduação em Geodinâmica e Geofísica, Universidade Federal do Rio


Apontamentos

  • Não há apontamentos.